Vanessa de Oliveira. Dicas de amor, sexo, sedução e relacionamentos.

Início / QUERO ARRASAR NA MINHA PRIMEIRA VEZ

QUERO ARRASAR NA MINHA PRIMEIRA VEZ

SHARE
482 0

A introdução à sexualidade é um momento importantíssimo para qualquer mulher. É nessa hora que a sua autoestima será afetada diretamente, positiva ou negativamente, visto a a importância que, culturalmente, nós mulheres fomos doutrinadas a compreender. Digo isso, porque é certo que os homens também são afetados por essa questão e, igualmente, são expostos ao resultados de suas “performances” na cama… A diferença é que a mulher dá um significado bem mais intenso do que os homens dão e é aí que os problemas delas podem começar.

Observe que é muito mais comum mulheres que fingem na cama do que homens. Homens não se importam muito e, mais: há pouquíssimo tempo, na nossa história, o homem vem, de verdade, se importando com o prazer feminino. Na verdade, a mulher é que passou a se preocupar e dar conta do próprio prazer, o que nivelou as relações e propagou a ideia de que “SIM… Nós também gozamos e temos o direito de nos satisfazer“.

Você deve ter aí, no seu meio, mulheres de gerações passadas (mães e avós) que simplesmente, viviam para o marido, para os filhos… Mulheres que nem mesmo chegaram a conhecer o que é o verdadeiro prazer sexual. Isso porque, “não era um direito da mulher” esse tipo de coisa… Até mesmo no matrimônio, ainda hoje, fica clara a posição da mulher em “servir ao marido”, o que envolve também a questão sexual.

O problema, amiga, é que estamos falando de uma, ou duas, gerações atrás, somente. Isso leva a entender que muitas mulheres, ainda hoje, sofrem quando colocadas de frente com as questões que envolvem a própria sexualidade, mesmo num mundo repleto de informações em que vivemos hoje.

Claro que eu não falaria isso por mero achismo… Tenho um leque de alunas que me trazem essas questões e suas confusões e medos, o que me leva  crer que as crenças herdadas pelos nossos pais e avós, ainda permanecem enraizadas no nosso inconsciente.

Veja só, por exemplo, esse recorte – que tirei do meu Clube – em que uma aluna – maior de idade, claro -, evoca dúvidas voltadas para a sua “primeira vez:

“Van… preciso de sua ajuda! Tenho 23 anos e estou reatando com meu ex-namorado, sou virgem ainda, estamos neste rolo de idas e vindas há 3 anos e eu nunca transei com ele, embora ele sempre quisesse. Eu tenho curiosidade de saber como ele é na cama, mas tenho medo de sentir dor e não estar preparada para isso e portanto ser uma decepção para mim e para ele. Gostaria de saber também se há algum produto erótico que poderia me ajudar. Por favor, me diga também como faço para arrasar na cama e deixá-lo aos meus pés, louquinho por mim. Estamos reatando, eu gosto muito dele e não gostaria de perdê-lo.”

Ass: Maria Lacrada

Querida Maria, vamos lá! Primeiro de tudo o que tenho a te dizer é que, nesta vida, você não é obrigada a absolutamente nada. Eu não acredito em fórmulas prontas e nem gosto de dizer que haja um roteiro programado que leve uma pessoa á felicidade sexual ou não. Acho que cada um vai construindo o seu caminho e que cada um sabe bem qual é o seu tempo pessoal para mudar de fase e fazer suas descobertas. Eu de verdade acho que você deve perder a virgindade quando entender que é hora e só e somente quando quiser, ok?

Mas cá entre nós amiga, está na cara que você está louca para dar, então dá logo…rsrsr, você mesma falou que tem curiosidade e que gosta dele. Está esperando o que minha linda? Fazer 24 anos? Vou te dizer, sexo é uma coisa tão legal que geralmente quem espera muito sempre se arrepende de não ter feito antes…

Sendo bem sincera, três anos de idas e vindas, e ele no seu pé até agora querendo fazer sexo com você? De duas uma, ou ele ficou obcecado pela sua virgindade ou ele goxxxxta demais de ti. Um homem jovem, como acredito que ele deva ser, saindo com uma moça também jovem, momento em que os hormônios de ambos pelo jeito estão á flor da pele, amiiiiiiiiigaaaaaaa… eu só fico imaginando como que está o coitado deste cara que deve ter feito várias “homenagens” – se é que me entende -, depois que saiu com você e voltou para casa a ver navios e cabisbaixo…rsrsrs.

E não amiga, eu não acho que você deva fazer sexo com ele por compaixão e consideração por ele estar na fila até agora, acho mesmo que você tem de fazer porque você quer que seja com ele e porque chegou o seu momento… E é claro que você quer! Tanto que até está maquinando que gel usar!

E espero que você não tenha protelado sua primeira vez até agora por conta de tabus lindona. Não é com desrespeito às religiões, cultura e dogmas existentes que “impedem” o sexo antes do casamento que te digo isso… quem quer seguir estas regras é livre, que siga, mas sinceramente, uma pessoa jamais poderá ser avaliada como mais pura ou menos pura, ou até mesmo merecedora de adentrar o “paraíso”  pela presença ou não de um hímen… Particularmente eu não creio nisso. Eu acho que a humanidade já valorizou demais este pequeno pedacinho de tecido que apenas marca o final de uma fase da mulher e inicio de outra, ou seja, o começo da sua vida sexual, mas que nada tem a ver com a evolução espiritual dela, ok?

E também já é chegado o tempo de que velhos conceitos sejam abandonados para que novos conceitos, mais produtivos e coerentes, possam surgir e se estabelecer. Amiga, você não é o número de relações sexuais que teve, nem é a sua opção sexual e muito menos você é o tipo de prática de sexo que escolheu para si. Isso apenas determina suas preferências pessoais e desde que não prejudiquem o outro e que estejam de comum acordo com aqueles que praticam contigo o sexo da tua escolha, te digo que nada de mal há. Havendo um Deus, e acredito que exista, e seja do bem (e muito inteligente por sinal), apenas penso eu que ele olhará para as reais intenções do teu coração e jamais para seu hímen…

Quanto sua auto-cobrança, relaxa… relaxa senão você não goza amiga. Olha, é sua primeira vez, seu “Love” sabe muito bem disto e com certeza não está esperando uma mulher furacão entre quatro paredes. E se por acaso ele estiver esperando isso dê um tapa do lado da orelha dele para ver se ele acorda e cai na real.

Saiba, você não é obrigada a absolutamente nada dentro de um quarto, muito menos você tem de “mostrar serviço” (quem faz isso é garota de programa!) e você não deverá nunca, mas nunquinha mesmo, agir como alguém que deve suprir os desejos do outro, preocupando-se com performances e se comparando a outras pessoas ou sequer gastando seu tempo pensando se você foi melhor do que sicrana ou beltrana, que possivelmente já tenham passado na vida dele. NADA DISSO! Você apenas precisa se entregar ao seu prazer amiga!!!

Relaxa, vai experimentando posições, tudo ao seu tempo, apenas fazendo aquilo que te agrada e que é gostoso, só isso que você precisa. O tempo, o treino e a maturidade vão naturalmente te levando a patamares muito melhores e á excelência.

Não existe super mulheres sexuais virgens! Se você entrar naquele quarto procurando arrasar como uma expert e querendo fazer posições homéricas irá com certeza se frustrar e ficar estressada.

E óóó, primeira vez não é a melhor coisa do mundo, raramente as mulheres tem um orgasmo ao perderem a virgindade, ok? Na verdade a primeira vez mais parece uma relação sexual desajeitada. Mas está longe de ser horrível, você não vai simplesmente morrer de dor e sangrar 1/3 do seu liquido corporal. É beeeem menos do que você imagina e não, não precisa colocar nenhuma espécie de gel anestésico amiga linda. É algo completamente suportável o rompimento do hímen.

E para terminar, tenha uma conversa com ele antes de irem para a cama, deixe claro que por ser sua primeira vez existe algo que você prioriza, melhor ainda, priorizará tanto desta vez quanto de todas as outras que possam ainda haver entre vocês e que será sempre importante para ti, que é o respeito dele contigo, o carinho, a existência de preliminares e o altruismo dele durante a relação sexual (TE IMPÕE AMIGA, MELHOR PARA VOCÊ E HOMEM ADORA ISSO, SABIA? HEHEHE)

Agora amiga linda, vai lá, dá de uma vez e volta aqui para contar para gente como é que foi, se você quiser, claro. Queremos comemorar junto contigo, ok? Juro que vou abrir uma Chandon Pequeninha e posto a foto do brinde em tua homenagem aqui no site…

Beijos…

***

São essas, entre outras, dúvidas que me levam a me desenvolver cada dia mais, amiga…

Eu, Vanessa de Oliveira, venho estudando o ser humano, num amplo aspecto (psicológico, emocional, relacional) já há anos e, hoje, como autoridade na área de relacionamentos proponho ensinar a você o conhecimento capaz de ajudá-la a se autoconhecer para se desenvolver num amplo espectro da vida pessoal, social, amorosa, profissional e por aí vai…

Certamente, lindona, ao se inteirar mais sobre os ensinamentos que passo através dos meus cursos, você sairá uma mulher verdadeiramente poderosa. São anos e anos, ajudando milhares de mulheres, amiga, e os depoimentos a seguir falam por si, olha só:

Esses são apenas alguns, entre os milhares, dos depoimentos que recebo dia após dia – assim como peguntas, como supracitado -, miga e não param. Eu acredito que, como uma mulher inteligente, se você chegou até aqui, certamente você está disposta e quer muito ir mais adiante, não é mesmo?

Estamos falando de um aprendizado que envolve o conhecimento sobre além, apenas, das estruturas comportamentais e, para isso, amiga, basta você seguir direitinho as minhas instruções e estar aberta para aprender mais sobre si mesma, que a coisa simplesmente vai acontecer, até mesmo sem que você perceba… Quando viu, já foi… tipo isso.

No mais, é sempre bom você estar atualizada e atenta aos sinais que a vida te dá… E se você está lendo isso, nesse momento…

No meu curso, amiga, você terá tudo isso o que eu escrevi aqui nesse texto, com muito mais profundidade e mais, lindona… muito mais. INSCREVENDO-SE, CLICANDO AQUI, nesse link, você passará a ter acesso ao melhor conteúdo sobre relacionamentos, coquista, sedução, atração e tudo mais que abrange a vida a dois…

Dá só uma olhada em todo o conteúdo que você terá acesso, lindona, e vê se dá para deixar passar essa chance:

  • Aprender através de vídeos sequenciais, qual é a filosofia de vida de uma mulher magnética;
  • Quais são as ações que você deve tomar desde o momento do encontro até na hora em que estiver se relacionando com o cara;
  • Qual é o comportamento social mais adequado que você deve passar a ter;
  • Como você deve olhar para sua história e o que fazer nas mais variadas situações em relação ao amor;
  • Como potencializar o seu poder de conquista.
  • Vai aprender como se relacionar com os homens, e como desmistificar esse “grande bicho de 7 cabeças” da maioria das mulheres;
  • Você vai saber absolutamente tudo o que eu sei sobre sexo,

E muito… muito mais…

Em outras palavras, trata-se de um processo de desenvolvimento da sua vida pessoal e amorosa que não consiste apenas em Atrair e Seduzir, mas também, de trabalhar a Autoestima e Autoconfiança que são capazes de fazer você transformar sua vida daqui para os próximos 30 Dias… Quer mais? Então tá… Você ainda terá acesso ao Clube da Mulher Magnética, onde poderá conversar diretamente comigo pelos próximos 30 dias (sem pagar nada a mais por isso)… Clique aqui agora e faça a diferença na tua vida, lindona.

É mole ou quer mais…? Te espero na primeira aula, lindona…

Vanessa de Oliveira.