Vanessa de Oliveira. Dicas de amor, sexo, sedução e relacionamentos.

Início / Sexo Tântrico: Como Fazer, Com Quem e Quando!

Sexo Tântrico: Como Fazer, Com Quem e Quando!

SHARE
7199 0

É indicado para casais que tenham vínculos afetivos bem estabelecidos e também para aqueles cujo homem tem problema de ejaculação precoce.

Não deixa de ser, uma filosofia de vida, ao mesmo tempo em que é também uma forma de relacionar-se sexualmente, em que se procura desencadear autoconhecimento e evolução interior a partir do prazer. É algo como ir exarcebando o prazer físico a uma tal dimensão que ele extrapole os limites físicos e transborde na forma de um orgasmo espiritual ou em um estado de graça.

O objetivo é fazer com que ambos os parceiros atinjam o hiperorgasmo, que é o estado de maximização do prazer sexual a níveis absolutamente inimagináveis. Esse estado alterado da consciência é obtido mediante técnicas orientais provenientes da tradição tântrica.

A proposta principal do Sexo Tântrico é o de chegar a um patamar de prazer extremo, superior ao orgasmo tradicional e sustentar essa sensação por tempo bem maior do que o considerado normal.

É primordial que não haja pressa em se chegar ao orgasmo. Na verdade o casal tem a sensação de não ter noção de tempo enquanto realiza o sexo tântrico. Se não há tempo hábil para um a relação desprovida do fator tempo, então é melhor deixar para uma ocasião mais apropriada.

Preciso deixar claro aqui de que o prazer não se consiste no hiperorgasmo, mas sim em todo o grau de excitação proveniente da relação. Percorrer o caminho para chegar lá é tão prazerosos quanto atingi-lo.

O que se quer é prolongar ao máximo o prazer. Não há tempo estabelecido para que ele termine, pode começar e se estender por horas, o tempo será de acordo com a vontade do casal. Em média, uma relação sexual dura em torno de 15 minutos, no sexo tântrico ela dura no mínimo duas horas. Caso haja ejaculação em menos de uma hora, acaba se considerando ejaculação precoce.

O que vejo no sexo tântrico, também, de valioso é o fato da valorização da figura feminina. Ela é vista na relação como uma divindade, onde ela em várias posições estará na posição de dominadora, ou seja, em cima do homem.

Faz parte do ritual tântrico iniciar o sexo com uma contemplação e adoração mútuas, com palavras doces e carícias, fazendo amor com os olhos bem abertos, sem dispersão ou agressividade, sem pressa e com sentimento. Ambos dedicam-se com carinho ao toque no parceiro.

Existe uma rotina inicial pré-estabelida que ajuda os casais a percorrerem o caminho do prazer:

O sexo tântrico começa com o casal sentado, os dois encontram-se levemente inclinados e apoiados com o peso sob os braços. A penetração passa a ser lenta e os movimentos pélvicos são circulares.

Ocorrerá depois penetração profunda, onde a mulher deve abrir bem as pernas e ficar com elas em uma posição de V. Depois disso, a próxima posição é estarem ambos sentados, com seus rostos virados frente a frente, olhando-se nos olhos, os corpos devem se encontrar erguidos e as pernas entrelaçadas. Nessa posição deverão abraçar-se, se entregar em carícias, deixar fluir os sentimentos e tocar-se em vários pontos erógenos, como partes anteriores dos braços, nucas, espinha dorsal entre outros.

A relação tântrica deve ser acompanhada integralmente de carinho.

O homem tenta o tempo todo retardar e refrear a ejaculação, por isso também, que os movimentos não são bruscos e são calmos, para que ele consiga melhor manter o autocontrole.

A próxima posição é mais cômoda para o homem, onde estará deitado e a mulher o penetra ao estar agachada em posição de sentada, as mãos estão entrelaçadas e os movimentos pélvicos também são circulares e lentos. Nesse momento ambos já estarão muito excitados e devem lembrar-se que precisam se controlar a fim de prolongar o prazer.

O próximo passo é o homem colocar em suas costas almofadas a fim de se apoiar, a mulher sairá da posição de agachamento e poderá ficar deitada sobre ele ou sentada, como preferir. Nesse momento ele tem uma visão mais ampla do seu corpo e ela pode oferecer-lhe os seios para serem beijados e acariciados com a boca. A seguir, faz-se a postura clássica com o homem recostado sobre a mulher, a fim de descansarem e relaxarem um pouco.

Após o relaxamento, o homem coloca-se por cima da mulher, com ela de costas e ele faz penetrações profundas. A excitação é quase máxima nessa hora e então se preparam para uma postura atípica, na qual ela recebe quase toda de costas, passando uma das pernas sobre a cintura do parceiro, que com isso conseguirá a penetrar de maneira mais profunda, com os corpos entrelaçados.

Quando o casal consegue chegar até essa posição, praticamente ele encontra-se já em um estado de transe. Ela dá-lhe as costas em quanto se senta sobre ele, que poderá estar beijando-lhe o pescoço e acariciando seus seios. Nesse momento ambos entregam-se ao prazer e passam a fazer o que tiverem vontade, entregando-se ao prazer total e ao amor, a conseqüência disso é um orgasmo fora dos padrões convencionais.

Vale á pena entrarem juntos em um curso de sexo tântrico, a arte é bastante específica e o que eu fiz aqui foi resumir de uma maneira bastante sintética o seu desenvolvimento. Existe no sexo Tântrico um propósito muito maior a ser explorado.

Sexo Tântrico não pode ser feito entre pessoas que não possuem vínculo afetivo, como por exemplo, uma garota de programa e um cliente ou um casal que acabou de se conhecer. É feito entre casais que se amam.

Amiga Linda,  gostou dessa dica? Então aproveita e inscreva-se no meu Curso Mulher Magnética: 30 Dias Para Transformar Sua Vida! Basta CLICAR AQUI!

O curso é 100% online, todo em vídeo e você fala diretamente comigo durante 30 dias, podendo me contar sua história e me fazer perguntas. Você vai aprender a transformar-se em uma Mulher Poderosa, Sedutora e que Enlouquece os Homens na Cama e Fora Dela. Esse curso te ensina a ter uma autoestima inabalável, além de te ensinar técnicas de conquista e sexo que fazem os homens ficarem completamente apaixonados por você! INSCREVA-SE AGORA e mude a sua vida amorosa!