Vanessa de Oliveira. Dicas de amor, sexo, sedução e relacionamentos.

Início / DAR OU NÃO DAR, EIS A QUESTÃO

DAR OU NÃO DAR, EIS A QUESTÃO

SHARE
/ 1847 0

MUITAS SITUAÇÕES VIVENCIADAS POR MULHERES ESTÃO ALÉM DE SEREM RESOLVIDAS ATRAVÉS DE “SIMPLES” ESCOLHAS

Quando o assunto é Relacionamento, lindona, dúvidas das mais diversas surgem e, por mais que pareçam apenas detalhes inofensivos, têm muitas questões que acabam confundindo e prejudicando o desenrolar das coisas. É esse tipo de situação que a gente não se prepara, isso porque não existe escola capaz de nos amparar sobre certos assuntos e, principalmente, quando somos surpreendidas por nossos próprios preconceitos e tabus.

Não à toa, em algum momento da vida, decidi dividir com as mulheres as minhas experiências, com o intuito de que elas fossem capazes de entender e superar, o tanto quanto possível, momentos em que muitas vezes podem ser resolvidos apenas com uma mudança perceptual, de maneira a se dar conta de que o problema está na interpretação daquele que o vivencia… Como me disse uma amiga ceta vez:

Não existem problemas e sim, apenas situações.

Quando eu comecei a desenvolver os meus cursos, imaginei as mulheres interagindo com eles… Sabia que poderia amplificar muito mais todo o conhecimento que eu me predispus a passar usando as redes sociais, pois, diferente das palestras, a internet não encontra limites.

O engraçado foi que, ainda assim, mesmo com as palestras, os programas de TV, os livros e a internet, senti que faltava ainda alguma coisa… Eu queria me aproximar ainda mais das mulheres pois recebia muitos relatos e pedidos de orientação e de ajuda, que careciam ser tratados ali, de imediato… Foi então que resolvi criar o Clube da Mulher Magnética.

Hoje me sinto realizada, após conseguir por em prática tudo aquilo o que eu idealizei, mas, como toda a mulher, ainda não me sinto plena. No mais, continuarei progredindo e buscando, dia após dia, me fazer útil para as milhares de mulheres que me procuram e, quem sabe, algum dia eu chegue lá… No mais, lindona, quero deixar aqui um pequeno exemplo do trabalho que realizo através do Clube, para que você saiba que não está sozinha e, se precisar, é só chamar…

É claro que não exporei o nome da aluna aqui, mas o que quero que você observe é a dimensão de uma situação que, embora pareça ser “simples”, é capaz de perturbar a vida de uma mulher…

PERGUNTA:

Tenho 29 anos e sempre passei por relacionamentos conturbados, com pessoas que eram de níveis sociais diferentes do meu, ou seja, eu com carro buscava, levava, pagava a conta, resolvia tudo dentro da relação e não que isso me incomodasse, mas de um tempo pra cá foi ficando algo cansativo, apenas eu resolver as coisas e as vezes precisamos que cada um tenha seu papel na relação não é mesmo??? enfim, conheci uma pessoa de 45 anos (16 anos mais velho que eu) separado, com um filho de 11 anos, bem, pensei porque não tentar? Afinal não tenho nada a perder. Estamos saindo a mais ou menos um mês, é uma pessoa divertida,conversamo bastante, me trata muito bem (diferente de tudo que já passei em relacionamentos anteriores) só que ainda não transamos e te confesso que não me vejo indo para cama com ele , não consigo me ver transando com ele, conversei sobre isso com a minha terapeuta que me disse que cheguei a um limiar dentro dessa relação que não vou conseguir passar desse limite e o ideal realmente é terminar isso numa boa. Eu poderia sim tentar, ela disse, porém pelo que relatei a ela (como relatei a você) não seria o ideal para que eu não fique frustrada no futuro. Bem onde quero chegar com tudo isso é, você Vanessa acha que devo me dar a chance de saber o que pode acontecer ou não? Será que estou acometida por um pré-conceito por causa da idade??? Seria muito bom se pudesse me enviar um conselho, eu o receberia com o maior prazer.

Ass. Maria Quer Mas Não Quer…

RESPOSTA

Diferente de sua terapeuta amiga, eu captei informações que me levam a pensamentos diferentes dela. Primeiro de tudo, você própria já respondeu uma de suas perguntas, na pergunta que me fez e, na verdade, observo que o que você quer é muito mais que eu lhe dê força e coragem para fazer o que “pode se arrepender” caso não faça…

Sabe, eu de verdade acho que você está viciada em um padrão de relacionamentos que até agora teve, a de “provedora” da relação, da forma como um homem seria. E meu feeling diz que você sempre se envolveu com homens imaturos, lembrando que imaturidade não tem a ver com a idade, mas com mente.

E saiba amiga que isso sempre aconteceu com você porque no fundo você também sempre precisou disso, mesmo que de forma inconsciente.

Talvez você tenha uma necessidade de controlar tudo a sua volta e de exercer o papel de “A Mãezona” e acabou encontrando homens que preferiam ser controlados ou providos porque ainda estavam na fase ou gostavam de levar vantagem sendo “Filhinho”. Sabe, quando a situação é declarada e você concorda, ou seja, quando você não está sendo iludida, saiba que você compactuou com aquilo e que procurou… que não é vítima e sim uma pessoa conivente e que também, mesmo por um curto tempo, viu vantagem naquele sistema. Não condeno o seu sistema, pois esse foi o sistema que te serviu até então.

Se eu acho que homem tem de pagar a conta e mulher tem de lavar a roupa? Depende do casal e se o casal assim estiver feliz que assim continue. Porém, o que eu vejo acontecer é que a imensa maioria prefere exercer seu papel convencional na relação e fica mais feliz assim. Realmente, relacionamentos tendem a ser mais duradouros sendo cada um no seu quadrado, mas é claro não é regra geral.

Mas voltando á questão do sexo amiga, eu acho que você tem de tentar e ir para cama com ele para ver o que acontece e por um motivo bem simples: para que depois você não fique se perguntando se por acaso não jogou fora uma oportunidade de relacionamento com uma pessoa legal.

E outra coisa, penso eu que você é uma mulher bem resolvida, que já transou e saiu com outros homens, e que não é uma mulher virgem sonhando com a primeira vez romantizada (o que não tem problema algum e também faz parte da natureza feminina), a ponto de ficar abalada com a frustração. E outra ainda, se você foi capaz de “prover” seus ex, creio também que você de certa forma é liberal, nem que seja em pensamentos, logo, caso seja uma relação sexual não satisfatória tenho certeza de que você não sairá traumatizada, que não passará o dia enrolada em um cobertor torturando-se mentalmente e muito menos achando que deixou de ser uma mulher pura e com mil caraminholas na cabeça quanto á situação.

Não, eu não acho que você tenha de sair por aí “dando” à revelia para ver se dá certo para que não se arrependa na velhice. Acredite, eu tenho bom senso, você está com um cara há um passo de namorar, pelo que eu entendi, faz parte tentar, além de no fundo você querer (O QUE É O MAIS IMPORTANTE NISSO TUDO), mediante á isso te digo: TENTE!

Não deu certo, não consegue? Parte para outra, mas parte consciente e tranquila de que aquele não era seu caminho. Você começou o sexo com ele e não está curtindo? Pára, simples. “Ahhhh, mas ele vai ficar chateado!” Bem, faz parte, quem é que disse que porque começou tem de terminar, e dá forma como o outro quer?

E claro, mesmo que o sexo acabe sendo uma surpresa positiva para você, há ainda outros fatores que  devem ir para a balança antes de você assumir essa relação, não é isso que vai determinar se o relacionamento vai dar certo ou não, mas te garanto que é isso, dentro da sua história particular, que vai selar o inicio do real compromisso entre vocês.

E só tenho mais uma coisinha para te dizer amiga, os homens mais maduros tendem a ser menos ansiosos, menos egocêntricos, mais carinhosos e a ter mais experiência sexual que os mais jovens, você pode se surpreender… No mais, se você quer aprender mais sobre essa e outras situações, você está no lugar certo, amiga…

Eu, Vanessa de Oliveira, venho estudando o comportamento humano nas relações já há anos e, como autoridade na área de relacionamentos proponho ensinar às minhas alunas o conhecimento capaz de ajudá-las a se autoconhecerem para se desenvolver num amplo espectro da vida pessoal, social, amorosa, profissional e por aí vai…

Certamente, lindona, ao se inteirar mais sobre os ensinamentos que passo através dos meus cursos, você sairá uma mulher verdadeiramente poderosa. São anos e anos, ajudando milhares de mulheres, amiga e os depoimentos a seguir falam por si, olha só:

Esses são apenas alguns, entre os milhares, dos depoimentos que recebo dia após dia, miga e não param. Eu acredito que, como uma mulher inteligente, se você chegou até aqui, certamente você está disposta e quer muito ir mais adiante, não é mesmo?

E se você pensa que existe alguma “magia aí”, nada disso, lindona… Apenas eu venho aprimorando as minhas técnicas e orientando para que as mulheres consigam desenvolver nelas mesmas… Apenas isso…

Estamos falando de um aprendizado que envolve o conhecimento sobre as estruturas comportamentais e, para isso, amiga, basta você seguir direitinho as minhas instruções e estar aberta para aprender mais sobre si mesma e sobre os homens, que a coisa simplesmente vai acontecer até mesmo sem que você perceba… Quando viu, já foi… tipo isso.

Esses anos e anos de estudo, amiga, trouxeram como resultado os cursos que, te garanto, vão realmente te ajudar a se tornar uma mulher melhor em todos os sentidos… E olha que não sou eu quem estou dizendo isso… Basta acessar a minha página e você verá, por si mesma, os comentários. No mais, dê só uma olhada no que preparei para ti no meu curso Mulher Magnética: 30 dias para mudar a sua vida:

Módulo 01 – O Poder da Autoestima Inabalável

No Módulo 01 você terá acesso ao primeiro pilar: quando uma mulher decide realmente ser poderosa e autoconfiante, ou seja, vamos trabalhar a sua autoestima.

Módulo 02 – Seja Sedutora Acima de Tudo

No Módulo 02 Você irá aprender como usar seu poder de conquistar e reconquistar os homens, ao final dele você estará pronta e saberá tudo sobre as técnicas de sedução e como fazer com que os homens se interessem e se apaixonem por você!

Módulo 03 – Como Ser Uma Deusa

No Módulo 03 Você irá aprender sobre como ser uma Mulher Bem Resolvida na Cama, aprendendo tudo sobre sexo e, também, sobre qual a importância desta poderosa energia na sua vida!

Você irá aprender como realmente se tornar uma Mulher com Peito de Aço, capaz de colocar novamente a sua vida amorosa na ordem que você quiser… Está está convencida? Pois então, que tal receber também acesso ao Clube da Mulher Magnética e falar diretamente comigo por 30 dias (grátis) e esclarecer todas as suas dúvidas, heim? Que tal?

CLICA AQUI AGORA e acesse, lindona…

Apenas, peço para que você faça isso o quanto antes, pois as vagas no Clube da Mulher Magnética são limitadas e, caso você não consiga entrar agora, ficará em uma fila de espera e assim que forem abrindo mais vagas, você será notificada e poderá usar esse bônus em outro momento sem nenhum custo adicional.

Esse é o passo a passo perfeito para despertar a Mulher Poderosa que há em você e fazer com que qualquer homem se apaixone por quem você é verdadeiramente e não “parcialmente” que é como você acaba sendo, quando não potencializa o melhor de si.

Até mais, amiga… Espero ter te trazido algum luz…

Saia do senso comum, amiga, e entre no universo das mulheres poderosas e que sabem da alquimia do amor e que não se abandonam JAMAIS.

Tô te esperando… Beijos.

Vanessa de Oliveira.